Acesso à VPN com etoken USB

Esse artigo se destina exclusivamente aos que possuem um etoken USB (conhecido no país também como certificado A3) e desejam se conectar a uma VPN através do seu desktop Linux.

[ Hits: 2.951 ]

Por: Alexandre Valim em 29/04/2022


Introdução



Esse artigo se destina exclusivamente aos que possuem um etoken USB (conhecido no Brasil também como certificado A3) e desejam se conectar a uma VPN através do seu desktop Linux. A tecnologia envolvida na VPN pode ser tanto da Cisco (AnyConnect) quanto da Palo Alto (GlobalProtect), as duas fornecedoras de solução que acredito serem as mais populares na atualidade.

Para compor esse documento foram utilizados os seguintes cenários:
  • As distribuições Fedora 32 Workstation e Ubuntu 20.04.4 LTS, ambos baseados na arquitetura x86_64;
  • O etoken foi o ePass2003 da Feitian Technologies;
  • E a conexão de VPN foi o GlobalProtect.

IMPORTANTE: ajuste os passos a seguir à sua realidade, caso contrário, não terá os mesmos resultados; e siga todos os passos como usuário root, e não entre em pânico!

Obs.: alguns dados foram removidos por questões de segurança.

INSTALAÇÕES

a. Instalar driver

Baixe o arquivo ePass2003-Castle-20141128.tar.gz e descompacte.
Link alternativo:
Checksum:
  • sha256 = 00fbb5756b1b01222fe6825ad7ca43da0b662d1f7e2d06584ea7c3c7be490a23
  • md5sum = 6403ca6c744accb797bd866336760b81

b. Instalar p11tool

Fedora:

# dnf -y install gnutls-utils

Ubuntu:

# apt -y install gnutls-bin

c. Instalar OpenSC

Fedora:

# dnf -y install opensc (Fedora)

Ubuntu:

# apt -y install opensc (Ubuntu)

d. Instalar openconnect

Fedora: não é necessário

Ubuntu:

# apt -y install openconnect

e. Instalar Valgrind (apenas em caso de problemas)

Fedora:

# dnf -y install valgrind Ubuntu:

# apt -y install valgrind

SUBSTITUIR BIBLIOTECAS

Localize os dois caminhos da biblioteca opensc-pkcs11.so e substitua pela biblioteca libcastle.so.1.0.0, que acompanha o driver do ePass2003.

Exemplo para o Fedora:

# cd /usr/lib64;
# mv opensc-pkcs11.so opensc-pkcs11.so_default;
# ln -s /home/valim/util/ePass2003-Castle-20141128/x86_64/redist/libcastle.so.1.0.0 opensc-pkcs11.so

# cd /usr/lib64/pkcs11;
# mv opensc-pkcs11.so opensc-pkcs11.so_default;
# ln -s /home/valim/util/ePass2003-Castle-20141128/x86_64/redist/libcastle.so.1.0.0 opensc-pkcs11.so

Exemplo para o Ubuntu:

# cd cd /usr/lib/x86_64-linux-gnu;
# mv opensc-pkcs11.so opensc-pkcs11.so_default;
# ln -s /home/valim/util/ePass2003-Castle-20141128/x86_64/redist/libcastle.so.1.0.0 opensc-pkcs11.so

# cd /usr/lib/x86_64-linux-gnu/pkcs11;
# mv opensc-pkcs11.so opensc-pkcs11.so_default;
# ln -s /home/valim/util/ePass2003-Castle-20141128/x86_64/redist/libcastle.so.1.0.0 opensc-pkcs11.so

IMPORTANTE: caso atualize a versão do OpenSC, repita a operação de substituir a biblioteca.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Identificar dados
   3. Conectar
   4. Problemas
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Roteamento no openVPN com redes iguais

Problema do navegador Opera com temas GTK+2 escuros [Resolvido]

Configuração básica de rede + proxy Linux

Laconica - Twitter? Open source? Sim! Eis nosso microbloging de código aberto

Servidor de internet para iniciantes (Debian Squeeze)

  
Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts